Início / Empresas / Associativismo / AHRESP: proibição de venda de bebidas em takeaway é injustificada

AHRESP: proibição de venda de bebidas em takeaway é injustificada

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A AHRESP — Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal considera que a “proibição de venda de bebidas em takeaway é injustificada”.

As últimas medidas restritivas impostas ao funcionamento da restauração e similares vieram determinar a proibição, no takeaway, da venda de qualquer tipo de bebidas. “Ora, a venda de bebidas propriamente dita não representa qualquer risco acrescido”, pelo que a AHRESP defende que “seja revogada esta medida, uma vez que o que se quer prevenir é o consumo de produtos à porta do estabelecimento ou nas suas imediações, e não a venda, que apenas vai prejudicar a já difícil situação dos estabelecimentos”.

Para a Associação, esta questão “assume maior relevância nos estabelecimentos que funcionam com menus, com bebida muitas vezes incluída no preço”.

A AHRESP está a questionar a tutela sobre esta e outras questões que “estão a levantar muitas dúvidas”.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Empresa polaca procura fornecedores de leite e alimentos biológicos

Partilhar            Uma empresa polaca distribuidora de natas, leite de cabra, leite de vaca, iogurte grego, queijo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.