Início / Agenda / Agro Inovação 2019 leva workshop a Vila Real sobre vinha, olival e frutos secos

Agro Inovação 2019 leva workshop a Vila Real sobre vinha, olival e frutos secos

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Rede Rural Nacional (RRN) em colaboração com a Associação para o Desenvolvimento da Viticultura Duriense (ADVID) e o Centro Nacional de Competências dos Frutos Secos (CNCFS), organiza no próximo dia 3 de Julho em Vila Real, um workshop dedicado às fileiras da vinha, olival e frutos secos.

O arranque está marcado para as 9h15 no Regia-Douro Park – Parque de Ciência e Tecnologia. A entrada é livre com registo obrigatório (aqui).

Este evento insere-se no âmbito da Agro Inovação 2019 — Cimeira Nacional de Inovação na Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural e num ciclo de workshops regionais que a RRN em colaboração com os membros do Grupo de Trabalho da Inovação, está a organizar.

Objectivos

O ciclo de workshops regionais tem como objectivos:

  • Promover o encontro dos Centros de Competências e seus membros, agricultores / produtores, empresas, entidades e associações do sector, com as equipas de projectos/Grupos Operacionais (GO)
  • Discutir projectos e resultados de GO, de todo o País, por sector relevante, para cada região, e respectivas temáticas que se complementam.

Programa

09h15 – Boas-vindas
09h30 – Apresentação Prémio CA 2019
09h45 – Explicação da dinâmica de trabalho da sessão
10h00 – Coffee Break
10h30 – Sessão de trabalho

Grupos operacionais a apresentar/ fileira:

Vinha:
1. CSinDouro: Confusão sexual (CS) contra a traça-da-uva, Lobesia botrana (Denn. & Schiff.) em viticultura de montanha: caso particular da Região Demarcada do Douro;

2. FDControlo;

3. WineClimAdapt: Seleção e valorização das castas mais bem adaptadas a cenários de alterações climáticas;

4. VITISHIDRI: Estratégias para a gestão do stress hídrico da vinha no Douro superior

Olival:
1. FitoFarmGest;

2. Grupo Operacional Olivicultura e Azeite;

3. Novas práticas em olivais de sequeiro: estratégias de mitigação e adaptação às
alterações climáticas;

4. TECOLIVE: Técnicas e tecnologia para valorização de subprodutos em olivicultura.

Fruticultura (Frutos secos):
1. Biochestnut: Implementar estratégias de luta eficazes contra doenças do castanheiro e amendoeira;

2. Biopest: Estratégias integradas de luta contra pragas-chave em espécies de frutos secos;

3. Climcast;

4. EGIS: Estratégias para uma gestão integrada do solo e da água em espécies produtoras de frutos secos;

5. Valnuts: Valorização dos frutos secos de casca rija (FSCR).

12h10 – Wrap-up da sessão de trabalho

12h30 – Almoço

14h00 – Saída para as visitas

Visita 1 (Vinha): Projecto: CSinDouro – Confusão sexual (CS), Quinta de São Luís/Quinta do Valado, Régua

Visita 2 (Olival): Projecto: GO Novas práticas em olivais de sequeiro, S. Pedro de Vale do Conde, Mirandela

Visita 3 (Frutos secos): Projecto: Biopest, Quinta da Cotovia, Mirandela; Projecto: Climcast, Vila UTAD, Real.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Governo garante serviço do SIRESP com indemnização compensatória de 11 milhões de euros

Partilhar            O Governo aprovou a atribuição de uma indemnização compensatória de 11 milhões de euros à …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.