Início / Agricultura / Agricultura apoia agricultores e apicultores afectados por incêndios rurais com 500 mil euros

Agricultura apoia agricultores e apicultores afectados por incêndios rurais com 500 mil euros

O Ministério da Agricultura e da Alimentação assegura a disponibilização de um apoio extraordinário, com uma dotação inicial de 500 mil euros, para apoiar os agricultores na aquisição de alimentação animal, nos territórios afectados pela destruição causada pelos fogos rurais, que estão a atingir o País.

O pagamento do apoio aos agricultores será feito com base nos levantamentos dos prejuízos realizados pelas respectivas Direcções Regionais de Agricultura e Pescas e mediante preenchimento de formulário que será disponibilizado no sítio electrónico do IFAP — Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas, explica o Ministério em nota de imprensa.

Apoio aos apicultores

É também disponibilizado apoio aos apicultores, com fornecimento de seis toneladas de alimento para as abelhas, que será distribuído em articulação com a Federação Nacional de Apicultores.

A estes apoios extraordinários, destinados a assegurar a alimentação animal, o Ministério da Agricultura e da Alimentação determinou à Autoridade de Gestão do PDR 2020 a abertura das medidas de apoio ao restabelecimento do potencial produtivo das explorações agrícolas, logo que estejam concluídos os levantamentos das áreas e dos prejuízos.

A decisão de aplicação dos apoios referidos teve em conta o grande impacto dos incêndios em várias regiões do País. Os dados provisórios recolhidos até 26 de Julho indicam que a área ardida em Portugal já totalizava quase 58 mil hectares, sendo 11% (6.377 hectares) de área ardida em campos agrícolas.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Suinicultores preocupados e perplexos face ao ‘desaparecimento” da Secretaria de Estado da Agricultura

Partilhar              A direcção da FPAS — Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores expressa a sua “preocupação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.