Início / Agenda / Agricultores espanhóis marcam tractorada em Granada contra gasóleo agrícola a 1,35 €/l

Agricultores espanhóis marcam tractorada em Granada contra gasóleo agrícola a 1,35 €/l

As organizações de produtores agrícolas espanholas e Cooperativas de Granada pedem medidas que atenuem o alto custo do gasóleo e da electricidade. Para se fazerem ouvir, marcaram uma tractorada que vai ter lugar em Granada no próximo dia 29 de Junho.

O preço médio do gasóleo agrícola à venda nos postos espanhóis está nos 1,55 euros/litro. No entanto, o governo espanhol, desde 1 de Abril e até 30 de Junho, está a aplicar um desconto automático de 20 cêntimos por litro sobre o preço de venda ao público. Na prática, o gasóleo agrícola custa 1,35 euros/litro.

em Portugal o preço médio do gasóleo agrícola chegou ontem, 23 de Junho, aos 1,792 euros por litro. Um aumento de 42,1% desde o início da guerra na Ucrânia, quando o custo médio era de 1,261 euros por litro e de 77,8% relativamente a 24 de Junho de 2021, quando custava 1,008 €/l.

Em Portugal, as taxas unitárias do imposto sobre os produtos petrolíferos e energéticos (ISP) foram reajustadas pelo Ministério das Finanças no dia 17 de Junho, tendo sido reduzida a carga fiscal (ISP + IVA) em 1,2 cêntimos adicionais por litro de gasolina e 0,4 cêntimos adicionais por litro de gasóleo, a partir de 20 de Junho.

Mas o Governo já alertou que a taxa do ISP do gasóleo desceu assim para o mínimo permitido pela Comissão Europeia. Recorde-se que Portugal já solicitou junto da Comissão, em Abril, a derrogação da aplicação dos limites mínimos impostos, estando em curso a avaliação do pedido pelos serviços da Comissão Europeia.

Tractorada em Granada

Ontem, 23 de Junho, em conferência de imprensa, o secretário geral da ASAJA — Associação Agrícola de Jovens Agricultores de Espanha (Granada), Manuel del Pino, o secretário provincial da COAG – Coordinadora de Organizaciones de Agricultores y Ganaderos (Granada), Miguel Monferrer, o secretário geral da UPA — União de Pequenos Agricultores e Ganadeiros(Granada), Nicolás Chica, e o director das Cooperativas Agro-Alimentarias de Granada, Gustavo Ródenas, anunciaram uma tractorada para o próximo dia 29 de Junho, em Granada, em protesto pela “exorbitante subida do gasóleo agrícola e da electricidade que prejudicam a rentabilidade das explorações agrícolas e pecuárias”.

Aqueles agricultores anunciaram que os tractores avançarão pelas ruas de Granada (com limitação de 200) às 9 horas.

“O preço do gasóleo agrícola a uma média de 1,55 euros/litro e a factura da luz que quase triplica face à anterior campanha são inacessíveis para as explorações agrícolas e pecuárias. Em nada resultou a bonificação de 20 cêntimos do combustível desde a sua entrada em vigor — quando o gasóleo estava a 1,30 euros/litro —, e que termina a 30 de Junho, nem agora as intenções de conter a subida do megawatt/hora da luz”, referem aqyelas organizações agrícolas em nota de imprensa.

Aqueles agricultores reclamam ao governo espanhol “soluções verdadeiramente eficazes que permitam ao sector agrário e pecuário continuar a funcionar, através da bonificação da factura do gasóleo (plásticos e fertilizantes) no IRPF [Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Físicas]; a aplicação da dupla potência eléctrica para os regantes que lhes permita poupança de energia durante os períodos em que não regam; e o aumento da devolução do Imposto Especial de Hidrocarbonetos, actualmente em 0,063 euros/litro, ou a volta ao gasóleo professional bonificado”.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

PS Açores acusa Governo Regional de falhas na gestão das quotas pesqueiras

Partilhar              O Partidos Socialista (PS) dos Açores entregou um requerimento ao Governo Regional dos Açores, intitulado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.