Início / Agricultura / Açores têm planos sectoriais da floricultura, horticultura, viticultura, carne e leite

Açores têm planos sectoriais da floricultura, horticultura, viticultura, carne e leite

O secretário Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural defende que os planos agroprodutivos sectoriais, recentemente aprovados em Conselho do Governo, visam “estabelecer uma estratégia agroprodutiva para as nove Ilhas dos Açores”.

António Ventura falava na sessão de apresentação dos Planos Sectoriais da Floricultura, Horticultura, Viticultura, Carne e Leite, desenvolvidos no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

“Estes planos têm como objectivo genérico melhorar o nosso auto-abastecimento alimentar, aumentar a exportação, criar emprego, combater o envelhecimento humano, fixar jovens, melhorar o rendimento dos produtores através dos preços justos e criar uma ferramenta técnica, administrativa e política a médio e longo prazo”, frisou o governante.

“Importa também promover a naturalidade da terra, melhorar o conteúdo nutricional dos alimentos, garantir o bem-estar animal e assegurar a sustentabilidade dos recursos produtivos, como o solo e a água”, acrescentou.

Os planos apesentados resultaram do trabalho desenvolvido por grupos constituídos por técnicos da Secretaria da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, técnicos da Federação Agrícola, professores da Universidade dos Açores e personalidades reconhecidas para os fins agrotemáticos indicados, e enquadram as acções previstas no Investimento “Relançamento Económico da Agricultura Açoriana”.

“Agora serão designados grupos operativos para a execução dos planos estratégicos”, revelou o secretário Regional da Agricultura.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Cotações – Cereais – Informação Semanal – 13 a 19 Junho 2022

Partilhar              Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas Cereais Outono-Inverno Esta semana foi dada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.