Início / Apoios e Oportunidades / Açores reduzem preços de conservação de tunídeos em lotas e entrepostos

Açores reduzem preços de conservação de tunídeos em lotas e entrepostos

O Governo Regional dos Açores avança com redução dos preços de conservação de tunídeos. Foi hoje publicada em Jornal Oficial a portaria que institui um regime temporário de redução dos preços de conservação de tunídeos previstos no regulamento geral de funcionamento das lotas, entrepostos, postos de recolha e veículos de recolha da Região Autónoma dos Açores.

Com efeitos a 1 de Agosto do presente ano, o regime prevê uma isenção total do preço de conservação nos 90 dias, inclusive, seguintes à entrada no entreposto do pescado e isenções de 75% entre o 91.º e o 119.º dia, 50% entre o 120.º e o 149.º dia e 25% entre o 150.º e o 180 dia seguintes à entrada no entreposto do pescado.

A medida aplica-se às capturas de espécies de tunídeos no mar dos Açores, desembarcadas até ao final do presente ano, por embarcações licenciadas para a safra 2022 nos Açores, refere uma nota de imprensa da Secretaria Regional do Mar e das Pescas.

Este novo regime justifica-se, segundo a Secretaria Regional do Mar e das Pescas, “considerando a instabilidade dos mercados resultante da agressão militar da Rússia contra a Ucrânia, com impacto nos operadores do sector da pesca e da aquicultura na União” e “atento o reflexo nas relações comerciais relativas à pescaria do atum, que aconselham a um ajuste temporário nos encargos com a armazenagem dos tunídeos, relativos à faina de 2022”.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Suinicultores preocupados e perplexos face ao ‘desaparecimento” da Secretaria de Estado da Agricultura

Partilhar              A direcção da FPAS — Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores expressa a sua “preocupação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.