Início / Agricultura / Produção de castanha mantém tendência de subida

Produção de castanha mantém tendência de subida

Partilhar

A apanha da castanha, que foi pontualmente interrompida nos dias de precipitação mais intensa, estava praticamente concluída no final de Novembro, dizem os técnicos do Instituto Nacional de Estatística (INE), no seu Boletim Mensal da Agricultura e Pescas – Dezembro de 2019 do INE.

A estimativa da produção aponta para um aumento de 5%, face a 2018, posicionando esta campanha como uma das melhores das últimas três décadas.

“A qualidade é regular, embora se observem algumas manchas de soutos com frutos de menor calibre e com bichado da castanha ou sinais de podridão, comprometendo a sua comercialização/capacidade de conservação”, acrescenta o INE.

Novembro frio e chuvoso

O mês de Novembro caracterizou-se, em termos meteorológicos, como frio e chuvoso. A temperatura média do ar, 12,1ºC, foi 0,3ºC inferior à normal 1971-2000, tendo-se, no entanto, observado períodos (dos dias 1 a 5 e nos últimos seis dias do mês) em que as temperaturas médias diárias foram superiores à normal.

Quanto à precipitação, registou-se um valor cerca de 50% acima da normal (1971-2000), embora com forte variabilidade espacial na sua distribuição: valores bastante superiores à normal no Minho e Douro Litoral e superiores na generalidade das regiões Norte e Centro; valores bastante inferiores à normal no Baixo Alentejo e Algarve.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Ponte de Lima renova cooperação com Associação Florestal do Lima com apoio de 100.500€

PartilharO Município de Ponte de Lima renovou o protocolo de cooperação com a Associação Florestal …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.