Início / Agricultura / OliValpaços – Feira Nacional de Olivicultura: DRAP Norte anuncia candidatura a projecto de regadio

OliValpaços – Feira Nacional de Olivicultura: DRAP Norte anuncia candidatura a projecto de regadio

A OliValpaços – Feira Nacional de Olivicultura realizou-se no passado fim-de-semana, de 31 de Maio, 1 e 2 de Junho, no Pavilhão Multiusos de Valpaços pela segunda vez a cidade. E foi palco do anúncio de uma candidatura a investimentos no regadio na região.

“A Câmara Municipal de Valpaços, em parceria com a Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Norte [DRAP Norte], vai avançar com uma candidatura, até ao dia 31 de Julho, e estamos com toda a esperança de que esse projecto venha aprovado e que a produção de azeite neste concelho ainda consiga ser cada vez maior”, disse a Directora Regional de Agricultura e Pescas do Norte, Carla Alves.

Acrescentou aquela responsável que “no fundo o que é extremamente necessário conseguir aqui para Valpaços é sem dúvida a questão do regadio e da rega do olival. Portanto, aquilo em que neste momento estamos empenhados, e o senhor ministro [da Agricultura] está muito empenhado, é obviamente apoiar a questão do regadio”.

Numa organização conjunta entre a Câmara Municipal de Valpaços, a Cooperativa de Olivicultores de Valpaços, o CEPAAL – Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo, a AOTAD – Associação dos Olivicultores de Trás-Os-Montes e Alto Douro e a CAP – Confederação de Agricultores de Portugal, a II Olivalpaços, uniu objectivos em comum e promoveu as potencialidades olivícolas, oleícolas e agro-alimentares da região e do País, num evento que contou na cerimónia de abertura oficial com Directora Regional de Agricultura e Pescas do Norte, Carla Alves.

Inovação no azeite

Foram colocados à disposição dos empresários tecnologias e sistemas inovadores ligados ao sector do azeite, nomeadamente pela participação de empresas/instituições de impacto nacional, explica fonte institucional da autarquia de Valpaços, presidida por Amílcar Castro de Almeida.

A organização teve como objectivo desenvolver actividades que contribuam para atrair um maior número de visitantes e para o desenvolvimento turístico do concelho de Valpaços, com a actuação de bandas e grupos musicais locais, actividades para os mais novos, entre outras.

Entre Moura e Valpaços

A Feira Nacional de Olivicultura é o certame de maior tradição e antiguidade no sector e conta já com mais de duas décadas. Realiza-se anualmente, entre as cidades de Moura e Valpaços, e constitui o ponto de encontro da produção nacional de Azeite.

A OliValpaços, durante três dias, pôs em destaque a segunda produção agrícola com maior peso na economia transmontana, a seguir ao vinho, e que movimenta anualmente um valor bruto de 30 milhões de euros.

No concelho de Valpaços, a produção média anual de azeitona é de 11 mil toneladas, dos quais se extraem cerca de dois milhões de litros de azeite.

“A quantidade de azeite produzido e a qualidade comprovada com a obtenção de inúmeros prémios a nível nacional e mundial, fizeram de Valpaços um lugar de eleição para a realização bianual desta Feira Nacional de Olivicultura”, salienta a mesma fonte autárquica.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

DGAV promove Concurso de Fotografia sobre a actividade veterinária

A DGAV — Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária promove, até 30 de Setembro 2019 um …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.