Início / Featured / Ministra do Mar consigna projecto de melhoria de acessibilidades marítimas ao Porto de Setúbal

Ministra do Mar consigna projecto de melhoria de acessibilidades marítimas ao Porto de Setúbal

A ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, presidiu esta quarta-feira, 12 de Setembro, à cerimónia de assinatura do auto de consignação do projecto de Melhoria das Acessibilidades Marítimas do Porto de Setúbal, entre a APSS – Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra e a Mota-Engil – Engenharia e Construção, uma sessão que decorreu na sede do Ministério do Mar, em Algés.

Esta importante obra, que faz parte da Estratégia para o Aumento da Competitividade da Rede de Portos Comerciais do Continente — Horizonte 2026 (RCM 175/2017), representará um investimento total a rondar os 25 milhões de euros, sendo financiado pelo COMPETE 2020 em cerca de 14,8 milhões de euros. A empreitada terá uma duração máxima de 180 dias.

Ana Paula salienta as “inúmeras vantagens” para o porto

Na sua intervenção nesta cerimónia, a ministra do Mar salientou as “inúmeras vantagens” que este investimento trará para o Porto de Setúbal, nomeadamente ao nível do aumento da segurança e eficiência do transporte marítimo e das operações portuárias, no ganho de competitividade do porto sadino no sistema portuário nacional e internacional ou a possibilidade de receber navios com maiores dimensões – acompanhando assim a tendência do transporte marítimo global, onde os novos navios têm cada vez maiores dimensões.

“Com este investimento, o Porto de Setúbal poderá captar tráfegos que hoje vão para outros portos, nomeadamente portos de outros países”, referiu a ministra do Mar, acrescentando que com esta melhoria das acessibilidades marítimas o porto sadino aumentará o seu hinterland, passando a ser um porto que servirá regiões como a Estremadura espanhola ou a Andaluzia.

Preocupação ambiental

A terminar a sua intervenção, a ministra do Mar realçou ainda o “grande cuidado que se teve desde o primeiro momento em relação aos impactos ambientais da empreitada”. E lembrou que este investimento trará benefícios ambientais, nomeadamente ao potenciar a transferência modal – do transporte terrestre, mais poluente, para o transporte marítimo, mais ‘amigo do ambiente’.

Agricultura e Mar Actual

loading...

Verifique também

Previsões agrícolas do INE: aumento de produção no pêssego abaixo das expectativas

O tempo quente acelerou a maturação das variedades intermédias e tardias de pêssego, reduzindo o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.