Início / Agricultura / Mercadona aposta na agricultura portuguesa. Em 2018 comprou 2.500 toneladas de kiwi

Mercadona aposta na agricultura portuguesa. Em 2018 comprou 2.500 toneladas de kiwi

A Mercadona reforça a sua aposta no sector primário e, em 2018, comprou mais de 2.500 toneladas de kiwi verde à empresa portuguesa Kiwi Greensun.

A parceria entre a Mercadona e o produtor português de kiwi teve início em 2012 e desde então este produto de origem portuguesa encontra-se actualmente à venda em cerca de 500 lojas da cadeia de supermercados em Espanha.

Para a Mercadona, o trabalho realizado em conjunto com o sector primário permite à empresa criar um projecto comum, fruto do desenvolvimento da Cadeia Agroalimentar Sustentável, baseada na estabilidade, produtividade e diálogo, com o objectivo de promover o crescimento partilhado e sustentável.

Vítor Araújo, presidente da Kiwi Greensun, refere os altos padrões de qualidade da Mercadona, “conseguindo cumprir com essas exigências mantemos um nível de qualidade alto”.

Mercadona em Portugal

Relativamente ao projecto da Mercadona em Portugal – que se reflecte na abertura de 10 lojas no segundo semestre de 2019 – menciona que “seria um orgulho como produtor nacional de referência poder servir as lojas da Mercadona em Portugal”. A Kiwi Greensun nasce em 2004 e tem actualmente 360 hectares de kiwis plantados, no Norte de Portugal.

Por sua vez, Patrícia Cotrim, directora do sector primário e consumidores da Mercadona em Portugal, reforça a importância da colaboração com o sector primário: “Para nós é muito importante estabelecer relações de transparência, estabilidade e eficiência junto do sector primário. Temos como objectivo conjugar esforços e partilhar conhecimentos que contribuam para a modernização, produtividade e prosperidade em toda a cadeia agro-alimentar da Mercadona. Pretendemos assim que os nossos consumidores possam aceder a produtos de fornecedores especializados e de origem cada vez mais local”.

10 lojas abertas este ano

A Mercadona abrirá em Portugal 10 lojas, no segundo semestre de 2019. Deste modo, desde que anunciou a entrada em Portugal, a premissa da empresa tem sido sempre: “Em Portugal, somos portugueses”.

O primeiro grande passo foi a criação da sociedade Irmãdona Supermercados, com domicílio fiscal em Portugal. A empresa tem sede no Porto, onde se situam os escritórios centrais, além dos existentes também em Lisboa.

Juan Roig, presidente da Mercadona

Também foi iniciada a actividade no Centro de Coinovação, em Matosinhos; um macro-laboratório de ideias de 1.000 m2 que ajuda a equipa da Mercadona a definir, junto dos clientes portugueses, o sortido de produtos em Portugal, totalmente adaptado às necessidades deste mercado.

É neste centro que as equipas de trabalho estudam ao detalhe os gostos e hábitos de consumo do “Chefe” português (como a Mercadona denomina os clientes).

Actualmente, a empresa conta com 300 colaboradores portugueses e continua com os processos de selecção de todos os postos inicialmente previstos.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Remessas de emigrantes: Portugal continua em primeiro lugar na Europa

Os emigrantes portugueses continuam a liderar na União Europeia o envio de remessas para Portugal. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.