Início / Agenda / Inovterra leva workshop sobre a cultura do sabugueiro a Tarouca

Inovterra leva workshop sobre a cultura do sabugueiro a Tarouca

A InovTerra — Associação para o Desenvolvimento Local, com sede em Vila Pouca-Salzedas, concelho de Tarouca, está a organizar mais um workshop sobre a cultura do sabugueiro.

A iniciativa está agendada para o próximo dia 19 de Outubro de 2019 e versará sobre a instalação da cultura do sabugueiro.

Inscrição obrigatória

A participação tem um custo de 22,5 euros para sócios da InovTerra e de 30 euros para não sócios. Estes valores incluem almoço e certificado de presença.

A inscrição prévia é obrigatória até 17 de Outubro.

Para mais informações, deverá endereçar email para inovterra@gmail.com ou contactar a Associação através dos telefones 254 677 510 / 963 630 803.

O sabugueiro

O sabugueiro, Sambucus nigra L., é comum em galerias ripícolas e em sebes húmidas e sombrias, contudo é capaz de tolerar solos secos e também prospera em locais quentes e com muita luz. Tanto em solos ácidos como muito alcalinos.

Ocorre em altitudes inferiores a 1.700m. Tolera poluição atmosférica e sítios costeiros. É resistente à poda, mesmo cortado pela base irá regenerar. As flores são atractivas para os insectos e as bagas para os pássaros, desviando-os de árvores fruteiras. Boa planta como pioneira no restabelecimento de áreas florestais.

Usos

O sabugueiro é utilizado em doces, como tintureira (usada em vinho e em tecidos), repelente de vertebrados e como erva medicinal (aparelho respiratório, digestivo, contra diarreias e queimaduras bem como tratamento para diabéticos). É também usada como planta medicinal para o gado.

É uma cultura de importância económica crescente em algumas regiões do Norte e Centro, como a região de Tarouca.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Apoios aos incêndios: agricultores de Mação e Vila de Rei podem apresentar candidaturas até 15 de Outubro

Os agricultores cujas explorações foram afectadas pelo incêndio que atingiu diversas freguesias dos municípios de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.