Início / Agricultura / Fenareg participa em projecto europeu de reutilização de águas residuais tratadas em agricultura
Parceiros portugueses SuWaNu Europe_ Carina Arranja (Fenareg), Rita Rijo e Rui Almeida (Consulai)

Fenareg participa em projecto europeu de reutilização de águas residuais tratadas em agricultura

A Fenareg – Federação Nacional de Regantes de Portugal é um dos 20 parceiros de um consórcio de investigação aplicada – SuWaNu Europe – que visa impulsionar a inovação e a transferência de conhecimento na Europa sobre reutilização segura e económica de águas residuais tratadas em agricultura.

Nos dias 17 e 18 de Janeiro decorreu em Málaga, Espanha, a primeira reunião deste projecto europeu.

70% da água doce utilizada para produzir alimentos

Considerando que cerca de 70% da água doce utilizada no Planeta é necessária para produzir alimentos, torna-se estratégico encontrar fontes alternativas que assegurem a sustentabilidade da agricultura de regadio.

O uso de águas residuais tratadas na agricultura é uma opção que reduz a pressão sobre os recursos hídricos superficiais e os aquíferos e que está a ser estudada em vários países onde a disponibilidade de água para rega é um factor limitante.

SuWaNu Europe

O projecto SuWaNu Europe destina-se a colmatar as actuais lacunas de inovação e a alcançar uma implementação eficaz das soluções de reutilização de águas residuais tratadas na agricultura. Dá seguimento aos resultados de um projecto anterior da União Europeia, denominado SuWaNu, que decorreu em 5 países-alvo: Malta, Espanha, Alemanha, Grécia e Bulgária.

Uma das tecnologias desenvolvidas – Treat and Use – permite o tratamento de águas residuais urbanas tornando-as aptas para rega de pomares e culturas hortícolas, com recuperação de nutrientes a aplicar nos campos agrícolas.

O SuWaNu Europe envolve universidades, confederações de agricultores, federações de regantes – Fenareg e Fenacore –, associações de reutilização e empresas privadas de Portugal, Espanha, Itália, Grécia, Alemanha, Bélgica, Bulgária, Chipre e Israel.

O seu objectivo é definir estratégias a nível regional para impulsionar a inovação nos sectores agrícola e hídrico.

O projecto SuWaNu Europe com um orçamento de 2M€, financiado pelo programa H2020, teve início a 1 de Janeiro de 2019 e será desenvolvido ao longo de dois anos e meio.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Lisboa, Alentejo e Algarve. Portugal 2020 tem candidaturas abertas para apoio à inovação

A entidade gestora do Portugal 2020 informa que está aberto o Aviso para os Programas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.