Início / Agenda / EDIA e Grupo AdP unem-se no reforço do abastecimento de água no Alentejo

EDIA e Grupo AdP unem-se no reforço do abastecimento de água no Alentejo

O ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, participa amanhã, 17 de Fevereiro, pelas 10 horas, na Cerimónia de Assinatura dos acordos entre EDIA e o Grupo AdP — Águas de Portugal para a concretização de um conjunto de projectos de reforço do abastecimento de água na região do Alentejo.

Os acordos entre as duas entidades públicas visam aumentar a fiabilidade e resiliência dos sistemas de abastecimento de água, dando resposta aos efeitos decorrentes das alterações climáticas, segundo fonte do Ministério liderado por Capoulas Santos.

Novas ligações a partir de Alqueva

Esta colaboração será concretizada através da criação de novas ligações a partir de condutas do sistema de Alqueva a albufeiras e Estações de Tratamento de Água, geridas por empresas do Grupo AdP, e do reforço de ligações actuais.

Entre as obras previstas, constam a ligação de Alqueva a Sines, à albufeira do Monte da Rocha e o reforço à albufeira da Vigia. Está ainda prevista a realização de estudos relativos a outras infra-estruturas de abastecimento de água para responder aos cenários mais exigentes de escassez hídrica na região do Alentejo.

Plano de Investimentos

A apresentação do Plano de Investimentos a Médio-Prazo da EDIA está a cargo do presidente do conselho de administração da EDIA, José Pedro Salema, seguindo-se a apresentação das intervenções a realizar pelo Grupo Águas de Portugal no âmbito dos Acordos e na região.

A cerimónia terminará com uma visita à Estação Elevatória e perspectiva sobre as obras de construção da ETA da Magra.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Aeroporto do Montijo: PAN pede demissão do presidente da Agência Portuguesa do Ambiente

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) anunciou o seu parecer favorável condicionado ao Aeroporto Complementar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.