Início / Agricultura / Depois de ler este artigo, a adubação verde será a sua nova melhor amiga! Não acredita? Comprove!

Depois de ler este artigo, a adubação verde será a sua nova melhor amiga! Não acredita? Comprove!

Artigo de opinião de Rosa Moreira, Eng.ª Agrónoma, promotora do site A Cientista Agrícola

O que é adubação verde?

Não sei se já ouviu falou de adubação verde, provavelmente até já. No entanto, para quem ainda não ouviu ou quer saber mais sobre este assunto este é uma boa oportunidade para conhecer outras perspectivas sobre este tema.

Em primeiro lugar, devemos deixar bem esclarecido em que consiste esta prática agronómica.  A adubação verde é uma prática agrícola bastante antiga que tem como objectivo incrementar a capacidade produtiva do solo, melhorando a sua estrutura e composição.

Como podemos implementar a adubação verde?

Essa melhoria do solo pode ser conseguida através da adição de material orgânico não decomposto de plantas cultivadas exclusivamente para este fim e que são posteriormente cortadas mesmo antes de completarem o  seu ciclo produtivo.

A adubação verde pode ser realizada utilizando várias espécies vegetais, no entanto são as leguminosas  o tipo de culturas que mais é utilizadas devido às suas várias vantagens, destacando-se a
sua capacidade de fixar azoto atmosférico.

É importante também salientar que, no caso das leguminosas, estas associam-se a bactérias fixadoras de
azoto que estabelecem também relações de simbiose, transferindo também este elemento para o solo, sendo também posteriormente transferido para as plantas.

Tal como abordei anteriormente no início do artigo, o adubo verde consiste no aproveitamento de características de certas plantas para captar o azoto da atmosfera e fixá-lo posteriormente no solo. O azoto caracteriza-se por ser  um dos principais  componentes da maioria dos fertilizantes industriais.  Para quem tem uma horta, verifica-se que muitas vezes durante o Inverno a horta fica normalmente com pouca actividade, devido às condições climáticas adversas que impedem o bom desenvolvimento das culturas.  Por essa razão é importante aproveitar esta época do ano para  produzir uma cultura de inverno capaz de adubar, impedir o desenvolvimento de plantas infestantes e aproveitar os nutrientes das camadas mais profundas do terreno agrícola.

A importância de utilizar adubo verde na horta

A maior parte das hortas  são cultivadas de forma intensa e verifica-se por essa razão que depois de ser efectuada a colheitao solo empobrece em termos nutricionais.

O uso  de  adubos verdes permite diminuir a necessidade de adubos industriais e manter a capacidade produtiva da sua horta . Sabe qual a  altura ideal para produção de  adubos verdes? Eu respondo: No Inverno. É nesta altura em que não existem muitas produções agrícolas em desenvolvimento  que a adubação verde deve ser feita.

Sabia que pode utilizar certas culturas para fixar o azoto na terra?  Sim é verdade! De forma a conseguir obter uma boa produtividade, manter a concentração de azoto no solo é fundamental.Por essa razão, a utilização de certas plantas que têm a capacidade de captar o azoto da atmosfera e fixá-lo no solo revela-se  consciente e economicamente viável  a opção mais viável para para conseguir fixar azoto na terra.

adubação verde
adubação verde é um  processo de fertilização do solo realizado através do  enterramento de plantas herbáceas verdes, normalmente  leguminosas  com espécies de outras famílias, normalmente semeadas propositadamente para o efeito. As espécies que são utilizadas no processo de adubação verde designam-se adubos verdes.

Principais vantagens da utilização da adubação verde para a fertilidade do solo

  • Diminuir a probabilidade de ocorrer lixiviação de nutrientes:
  • Aumenta a  capacidade de armazenamento de água no solo;
  • Contribui para a  descompactação do solo assim como melhoria da sua estrutura favorecendo o arejamento.
  • Fornece azoto ao solo de forma natural;
  • Contribui para a intensificação da actividade biológica do solo;
  • Melhora a capacidade de aproveitar a eficiência dos adubos e correctivos do solo;
  • Ajuda a recuperar os solos com fertilidade baixa;
  • Diminui o aparecimento de plantas infestantes;
  • Diminui a incidência de pragas e doenças nas culturas agrícolas;
  • e muitas mais vantagens (…)

Como produzir adubo verde?

A melhor forma para produzir adubo verde e incorporar azoto na terra  é através de plantas fixadoras de azoto. Estas, após atingirem posteriormente a maturação, efectua-se o seu corte e enterra-se  as mesmas de  modo a fixar também o azoto contido da planta.

Culturas que podem ser usadas para a adubação verde: chagas, cereais, colza, linho, mostrada, sarraceno, trevo, alfafa e soja por exemplo.

No que diz respeito ao uso de alfafa ou trevo para a produção de adubo verde, deve ter em atenção que deve cortar a cultura antes de formar sementes uma vez que são espécies infestantes.

Calendário de sementeira dos adubos verdes

calendário adubação verde
Fonte: Planfor

Condições de eficácia da adubação verde

No momento de instalação das culturas(adubação verde), a fertilização pode ser uma prática cultural necessária em alguns adubos verdes (fosfatos, especificamente), no momento antes ou durante a sementeira. No caso da sementeira de leguminosas, é necessário efectuar a inoculação das sementes com o Rhyzobium
específico ( no meu ensaio com a cultura da soja, procedi também à inoculação das sementes).

A % de humidade deve ser um factor que deve ter também em consideração e deve  ser suficiente para assegurar germinação das sementes. Caso o solo esteja muito compactado, deve também ponderar fazer uma subsolagem.
Antes de  3 a 4 semanas antes de instalar  a cultura principal, e antes de proceder ao enterramento dos adubos verdes, deve destroçar (esmiuçar) as plantas usadas como adubo verde.

É importante salientar que se as plantas forem simplesmente cortadas, sendo destroçadas ou não e ficarem a cobrir o terreno como mulching, podem actuar de forma benéfica minimizando o crescimento de plantas infestantes.

adubação verde
O reviramento da terra para enterrar os ramos cortados das plantas usadas como adubo verde é uma excelente prática. No caso de não enterrar na totalidade estas plantas, os ramos irão sofrer o processo de decomposição da mesma forma desde que tenham sido bem despedaçados.A Cientista Agrícola

Verifique também

Produção de cereja pode chegar às 19 mil toneladas. Crescimento de 10%

A produção global de cereja deverá situar-se em redor das 19 mil toneladas (10% acima …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.