Início / Agricultura / Estudo: Consumidores preferem garrafas de vinho com heráldicas

Estudo: Consumidores preferem garrafas de vinho com heráldicas

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Uma garrafa de vinho é mais do que o seu conteúdo. Isso mesmo diz um estudo realizado pelo portal italiano especializado em marketing, Spot and Web. O objectivo era saber quais os três critérios mais importantes na hora de escolher um vinho antes de o provar. O logótipo, o nome e a região de origem são os principais motivos de escolha, diz o estudo. E acrescenta que os consumidores preferem as garrafas com heráldicas.

Segundo o estudo italiano, os consumidores fixam-se primeiro no logótipo da marca (26%), seguido-se o nome da marca (22%) a região de origem do vinho (17%).

De acordo com o inquérito, um vinho é elegido pela beleza do logótipo, especialmente os emblemas que recordam as raízes das casas produtoras. Para a Spot and Web “nas decisões de compra tem influência a presença de escudos, de armas, brasões ou heráldicas nas etiquetas das garrafas”.

Logótipo ganha ao nome

Assim, tudo indica que, mais do que nomes bonitos ou jogos de palavras, na hora de escolher um vinho perante uma prateleira cheia de garrafas, é o logótipo que leva a melhor. “Os escudos de armas atraem muito mais do que comentários atractivos ou nomes apelativos”, diz o estudo.

O estudo foi realizado nas redes sociais, com uma amostra de 500 pessoas entre os 25 e os 60 anos, e em colaboração com um grupo de psicólogos coordenados pela psicóloga Serenella Salomoni.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Sector vinícola português afirma-se no Mundo a exportar 296 milhões de litros em 2019

Partilhar            O ano de 2019 foi positivo para as exportações de vinho português. Segundo dados do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.