Início / Featured / Conselho Regional das Pescas reúne, na Horta, para debater estratégias de gestão no sector
Foto: WWF/Bruno Pambour

Conselho Regional das Pescas reúne, na Horta, para debater estratégias de gestão no sector

O Conselho Regional das Pescas dos Açores, órgão de carácter consultivo da Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, reúne-se terça-feira, 3 de Dezembro, na Horta, para debater medidas e estratégias de gestão para o sector.

O secretário Regional do Mar adiantou que um dos temas a ser discutido com os conselheiros será “o apoio ao abate de artes de pesca menos selectivas”, como redes de emalhar, armadilhas e palangre de fundo.

Segundo Gui Menezes, serão ainda apresentadas “novas medidas legislativas com o objectivo de continuar a assegurar a sustentabilidade ecológica, económica e social do sector”, nomeadamente a implementação de quotas de pesca regionais para algumas espécies e a implementação de áreas de restrição à pesca, com o objectivo de, a médio prazo, potenciar as capturas nessas áreas”.

Plano de Reestruturação das Pescas

O secretário Regional referiu ainda que, no seguimento da aprovação do Plano de Reestruturação das Pescas, em 2018, será apresentado aos conselheiros o balanço das iniciativas levadas a cabo pelo Governo dos Açores.

Gui Menezes adiantou que também serão abordados temas relacionados com os modelos de gestão das principais pescarias, como o goraz, o alfonsim e o imperador, e serão apresentados “resultados da última campanha de monitorização das espécies de peixes demersais e de profundidade dos Açores”.

Nesta reunião serão ainda debatidos assuntos como o Programa Nacional de Recolha de Dados, a recolha de dados na pesca lúdica e o embarque de observadores de pesca, entre outros.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Governo dos Açores promove formação a colaboradores do projecto Life Vidalia

A Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo dos Açores, através da Direcção Regional do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.