Início / Agricultura / Como resolver os problemas de má drenagem do solo da sua horta/pomar

Como resolver os problemas de má drenagem do solo da sua horta/pomar

Artigo de opinião de Rosa Moreira, Eng.ª Agrónoma, promotora do site A Cientista Agrícola

Problemas de má drenagem do solo são frequentes em hortas, jardins e pomares.  Para além de afectarem o crescimento e desenvolvimento das culturas, os solos alagados impedem o fornecimento de oxigénio tanto às raízes como aos microorganismos. Por outro lado, solos com uma  drenagem acentuada são tendencialmente mais  secos e mais pobres em nutrientes. Nestas condições, são poucas as árvores de fruto e culturas que se adaptam, excepto as  ameixoeiras bravas e as cerejeiras arbustivas que se dão bem nestas condições. Neste artigo,  vai aprender dicas úteis de como resolver os problemas de má drenagem do solo da sua horta/pomar. Curioso(a)? Então não perca este artigo pois certamente vai interessar-lhe.

drenagem do solo

drenagem do solo consiste num processo de remoção natural ou artificial, do excesso de água que se encontra no/ou sobre o solo. Os drenos colocados no solo consistem em tubos especializados, valas ou fossos especializados para drenar.

O processo de drenagem consiste no processo de escoar e “enxugar” a água de terrenos agrícolas  encharcados ou alagados bem como outro tipo de terrenos que tenham excesso de água. A drenagem do solo pode ser feita através  de tubos, canais, valas e túneis podendo também serem utilizados motores para auxiliar o escoamento,o que pode tornar todo o processo mais dispendioso.

O processo de drenagem começa primeiramente com a verificação da origem do excesso de água no local que será drenado e logo após esse procedimento é   feito um levantamento topográfico do local para elaborar um projecto mais efectivo de escoamento da água.

Todos os tipos de solo estão sujeitos à drenagem natural cuja intensidade depende das suas características edáficas.  No entanto, apenas os solos que apresentem uma capacidade de drenagem insuficiente para a tolerância hídrica da cultura é que devem ser submetidos a drenagem artificial, desde que os custos justifiquem (na maioria dos casos, os custos associados a  este processo são elevados,pelo que deve ponderar bem e avaliar todas as condicionantes).

A má drenagem do solo: um problema recorrente

Uma drenagem do solo insuficiente pode ser originada por muitas causas, entre elas:

  •  uma grande proporção de argila em relação à de areia e/ou limo;
  • compactação devido ao trânsito frequente de pessoas ou de máquinas pesadas;
  • camada impermeável causada por cultivo rotativo frequente em condições húmidas;
  • retenção superficial de água ou acumulação de escoamento de uma encosta ou de um edifício;
  • entre outros factores;

Como evitar problemas com má drenagem do solo

  • No caso do seu solo ser argiloso, este pode ser  melhorados ao longo do tempo caso utilize  culturas de cobertura e/ou se lhe acrescentar composto. As plantas rasteiras, como a batata-doce, o melão, a abóbora, o feijão ou as ervilhas, podem ser utilizadas como plantas de cobertura,ajudando a evitar que o solo seja levado pelas águas da chuva.  .

Evite ao máximo plantar fruteiras em zonas onde as pessoas tendem a passar a pé ou de carro. Se pretender restaurar a sua horta e pensa  em plantar fruteiras num antigo caminho, é aconselhável  construir um canteiro elevado.

drenagem do solo

Os canteiros elevados conseguem resolver bastantes problemas.  Por essa razão, use canteiros para melhorar a drenagem, melhorar o solo ou contrair a compactação.  Opte por canteiros elevados se pensa em cultivar fruteiras em solos argilosos, sobre uma camada impermeável ou num local de passagem de escoamento.

Caso a retenção de água seja muito superficial, um canteiro mais elevado pode ajudar às vezes. No entanto, aconselho-o a renunciar ao cultivo de fruteiras com raízes mais profundas e preferir fruteiras mais arbustivas como os mirtilos, que possuem raízes mais superficiais.

drenagem do solo

Fazer caleiras de drenagem ou valas para ajudar no escoamento, evacuação e coleta das águas pluviais, domésticas e efluentes.

Para evitar a erosão, plante relva nas margens do seu terreno por exemplo e revista o fundo com pedras. Desvie a água do seu quintal para o esgoto da rua ou para um reservatório natural, certificando-se que não está a desviá-la para o terreno do vizinho ao para cima do passeio.

No caso de drenagem do solo excessiva, causada por solos com partículas grossas, de gravilha ou arenosos, deve tomar outro tipo de medidas. Um bom exemplo de medida é aumentar o nível de húmus no solo através da adição de composto por exemplo.

Pode também optar pelo uso de palha (empalhamento) que vai conservar a humidade.

Síntese: soluções para problemas de drenagem do solo

  • Canteiros elevados: nesta situação, as raízes têm espaço para crescer por cima de uma camada impermeável ou de retenção superficial da água. Pode também facilitar a limpeza das plantas infestantes.
  • Vasos: são bons para cultivar fruta. Neles, podemos usar solos com misturas especiais (substratos por exemplo).
  • Valas de drenagem: afastam o escoamento da superfície das plantas que não suportam ter “os pés molhados”.
  • Culturas de cobertura: são uma fonte de matéria orgânica e conseguem suavizar as camadas impermeáveis do solo.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Apoios aos incêndios: agricultores de Mação e Vila de Rei podem apresentar candidaturas até 15 de Outubro

Os agricultores cujas explorações foram afectadas pelo incêndio que atingiu diversas freguesias dos municípios de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.