Início / Agricultura / Capoulas Santos: Portugal está a apoiar a agricultura de Angola

Capoulas Santos: Portugal está a apoiar a agricultura de Angola

Portugal está a apoiar Angola tecnicamente para assegurar que o país recupera “a capacidade de produção de vacinas para animais, tendo sido efectuada em Fevereiro a primeira missão prospectiva a Angola”.

O ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, participou hoje, 7 de Março, no Fórum Empresarial Angola-Portugal, com uma intervenção sobre “disposição de espaços e terras, política monetária e cambial para a facilitação da realização do investimento privado e políticas alfandegárias para facilitação das importações e exportações”.

Capoulas Santos está em visita oficial a Angola, a acompanhar o Presidente da República. A visita termina no próximo sábado.

O ministro considera que existe “um triângulo virtuoso” a ter em conta no desenvolvimento da agricultura: o Estado, os empresários e a Agricultura Familiar, sendo que “o Estado tem um papel crucial em matérias como o acesso à terra, a regulação económica, os apoios ao sector, o desenvolvimento de infraestruturas e a facilitação da atracção do investimento privado”.

Modernização da agricultura

Capoulas Santos acrescentou que “os empresários são uma mais-valia para a modernização da agricultura e o incremento da produção”, realçando os investimentos de empresários portugueses na agroindústria e na agricultura angolanas, “que estão ao nível do melhor que se faz em qualquer parte do Mundo e cujos exemplos é necessário multiplicar”.

O titular da pasta da Agricultura sublinhou também o papel da Agricultura Familiar, que “deverá ser especialmente apoiada enquanto forma de melhorar a vida das populações rurais, tão importantes para a coesão social e a ocupação harmoniosa do território”, lembrando que Portugal e Angola têm vindo a colaborar no plano internacional em prol da Agricultura Familiar, dando como exemplos a recente aprovação da Declaração da Década da Agricultura Familiar pelas Nações Unidas e a subscrição da Carta de Lisboa pelo Fortalecimento da Agricultura Familiar.

Agricultura foi o sector que melhor resistiu à crise

Nesta intervenção, o ministro da Agricultura de Portugal lembrou que “a Agricultura foi o sector que melhor resistiu à crise, tem crescido acima da média da restante economia, aumenta sustentadamente as exportações, e, no último ano, registou o maior crescimento dos salários ao mesmo tempo que foi o sector em que mais empresas foram criadas”.

No plano bilateral, Capoulas Santos apresentou o balanço do Protocolo de Cooperação celebrado entre os Ministérios da Agricultura de Angola e de Portugal, em 2018, e do Plano de Acção para 2019-2021, destacando “o reforço dos Laboratórios de Referência para as áreas da Saúde Animal, Segurança Alimentar, Sanidade Vegetal e Solos e a formação de Recursos Humanos.

Acções de formação

Estão a decorrer acções de formação e capacitação de técnicos angolanos em Lisboa e Luanda, cujo objectivo é “dotar Angola destes importantes instrumentos, essenciais para garantir a segurança alimentar e as exportações”.

Por outro lado, Portugal está a apoiar Angola tecnicamente para assegurar que o país recupera “a capacidade de produção de vacinas para animais, tendo sido efectuada em Fevereiro a primeira missão prospectiva a Angola”.

“É um trabalho que envolve a criação de instalações físicas e de equipamentos sofisticados e a formação de pessoal técnico habilitado e para esta última valência, o Ministério da Agricultura de Portugal está habilitado e disponível para cooperar de imediato”, sublinhou o ministro.

Agricultura e Mar Actual

loading...

Verifique também

Makro Albufeira recebe Feira de Hotelaria e Restauração Algarve 2019

A Makro Portugal organiza mais uma edição da Feira de Hotelaria e Restauração nos próximos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.