Início / Agricultura / Capoulas assina protocolo para reforço de trocas comerciais com a Palestina

Capoulas assina protocolo para reforço de trocas comerciais com a Palestina

O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, e o seu homólogo palestiniano assinaram hoje, 7 de Setembro, em Lisboa um plano de acção que visa reforçar as trocas comerciais entre Portugal e a Palestina.

A investigação agrícola, a capacitação dos serviços veterinários palestinianos, a olivicultura, a melhoria do solo e das técnicas de irrigação, a regulamentação sanitária e fitossanitária e as práticas laboratoriais no campo da saúde animal e da qualidade alimentar são os principais alvos deste acordo, que tem como objectivo o reforço do comércio entre Portugal e a Palestina.

“Estamos a iniciar uma cooperação em vários domínios com a Autoridade Palestiniana, que se tem vindo a tornar nosso cliente, sobretudo, de gado vivo, bovino”, afirmou à Lusa o governante no final do encontro com Sulfian Sultan, ministro da Agricultura da Palestina.

Capoulas Santos apontou para a qualidade do gado vivo português, que é “muito apreciado” no Médio Oriente, sublinhando que foi o actual executivo que iniciou esta exportação para aquela região. “Esta aposta trouxe um impacto muito positivo para os agricultores portugueses e queremos ampliar as relações existentes e explorar novas oportunidades ao nível das trocas comerciais com a Palestina”, acrescentou.

Exportações de 150 milhões de gado

Segundo o ministro, “as exportações de animais vivos já atingiram os 150 milhões de euros e há um ritmo de crescimento superior do agro-alimentar face às outras exportações, de 15% e 12%, respectivamente”.

O plano de acção “especifica e corporiza” o memorando de entendimento assinado em 25 de Novembro de 2016 pelos ministros dos Negócios Estrangeiros de ambos os lados em Ramallah, na Palestina.

Portugal e a Palestina acordaram ainda a criação de um comité agrícola que se reunirá de dois em dois anos, alternadamente nos dois países.

Agricultura e Mar Actual

loading...

Verifique também

Nestlé quer aprender com startups e procura projectos na alimentação e saúde

A Nestlé Portugal e a Nova School of Business and Economics lançaram o programa de inovação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *