Início / Agricultura / Capoulas assina protocolo para reforçar exportações para a China. Pêra Rocha na mira

Capoulas assina protocolo para reforçar exportações para a China. Pêra Rocha na mira

Pêra Rocha, uvas de mesa, citrinos, maçãs, arroz (baby rice), kiwis, pêssegos, nectarinas e ameixas, mel, carne de aves, carne de ovino e de bovino, ovos de incubação e pintos do dia, cavalos… Capoulas negoceia tudo isto com a China.

O Governo português assinou hoje, 28 de Maio, um Protocolo para o Reforço da Cooperação com a República Popular da China, com o objectivo de harmonizar procedimentos e agilizar os processos de internacionalização.

Depois de ter aberto o mercado da China para a carne de suíno nacional, o Ministério da Agricultura está a agora a “trabalhar intensamente nos mercados da pêra Rocha, da uva de mesa e dos citrinos, produtos cuja negociação se encontra já numa fase bastante adiantada, tendo ficado já agendada a visita de uma missão técnica chinesa a Portugal no próximo mês de Agosto”, diz uma nota de imprensa do Ministério liderado por Luís Capoulas Santos.

Reunião bilateral

Este foi o tema principal da reunião bilateral que esta manhã teve lugar no Salão Nobre do Ministério da Agricultura, na qual participaram delegação de ambos os países, lideradas por Luís Capoulas santos, ministro da Agricultura de Portugal, e por Ni Yuefeng, ministro da Administração Geral das Alfândegas da República Popular da China, que hoje termina uma Visita Oficial ao nosso País.

Ontem os dois ministros visitaram explorações agrícolas produtoras de uvas e de pêra Rocha, instaladas no Alqueva.

Aposta na relação comercial com a China

O Ministério da Agricultura tem “apostado fortemente no desenvolvimento da relação comercial com a China, tendo desencadeado um conjunto de processos de abertura de mercados cuja negociação está agora em curso”, diz a mesma nota.

Além da pêra Rocha e das uvas de mesa, Portugal está igualmente a negociar os citrinos, as maçãs, arroz (baby rice), kiwis, pêssegos, nectarinas e ameixas, mel, carne de aves, carne de ovino e de bovino, ovos de incubação e pintos do dia, cavalos e ainda, em complemento ao mercado da carne de suíno, produtos derivados da carne de suíno.

Balança comercial

Portugal tem com a China uma balança comercial positiva no sector agro-alimentar, exportando um montante anual global de 150 milhões de euros, valor que o ministro da Agricultura considera que “temos condições de fazer crescer a favor da produção nacional”.

Capoulas Santos, que recentemente viajou até à República Popular da China em Visita Oficial, afirma que “a China é um mercado interessante para Portugal não só pela sua dimensão de milhões e milhões de consumidores, mas também pela apetência do próprio mercado, que procura produtos que se diferenciem pela qualidade e por elevados padrões de segurança alimentar, o que é manifestamente o caso da produção nacional”.

O ministro da Agricultura aposta na simplificação de procedimentos “através do estabelecimento de canais bem articulados, que permitam melhorar os contactos e acelerar a capacidade de resposta das autoridades nacionais”.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Federação Agrícola dos Açores: Reitor da Universidade de Coimbra é “contra a produção nacional”

O Reitor da Universidade de Coimbra vai proibir a carne de vaca na ementa das …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.