Início / Agricultura / Área de cultivo de milho cresce mais de 50% nos Açores

Área de cultivo de milho cresce mais de 50% nos Açores

O secretário Regional da Agricultura e Ambiente açoriana revelou hoje, 18 de Fevereiro, em Ponta Delgada, que, desde o início do anterior Quadro Comunitário de Apoio e até 2015, verificou-se nos Açores um crescimento de mais de 50% da área cultivada com milho, o que corresponde a um aumento de quase 3.700 hectares.

“Passamos de 7.300 hectares, em 2007, para mais de 11.000 em 2015”, afirmou Luís Neto Viveiros na sessão de abertura do 8.º Colóquio Nacional do Milho, organizado pela Anpromis – Associação Nacional dos Produtores de Milho e Sorgo, considerando, por isso, que “faz todo o sentido” a realização deste encontro nos Açores, “onde a cultura é de facto importante e releva no rendimento das explorações”.

Luís Neto Viveiros, que presidiu à sessão em representação do Presidente do Governo, frisou que “a alimentação animal de qualidade é naturalmente uma das variáveis que não pode ser ignorada” no desafio da redução de custos e aumento da qualidade.

Factor de produção decisivo

Nesse sentido, o titular da pasta da Agricultura salientou que “o milho, enquanto cultura arvense mais relevante na Região, constitui-se como factor de produção decisivo ao sucesso das explorações açorianas”.

O secretário Regional, que considerou da maior importância a realização deste colóquio pela “pertinência dos temas” e pela “actualidade para o sector agropecuário, actualmente confrontado com especiais desafios que importa vencer”, afirmou que “defender e apoiar a agricultura em cada uma das parcelas do território nacional, é defender a capacidade produtiva e independência alimentar nacionais”.

“E é, também, contribuir para a preservação e promoção daquela que é a nossa multifacetada identidade colectiva e, como tal, alavanca de desenvolvimento que se quer sustentado e sustentável”, acrescentou.

O 8.º Colóquio Nacional do Milho, que conta com o apoio do Governo dos Açores, é promovido pela Anpromis – Associação Nacional dos Produtores de Milho e Sorgo, em colaboração com a Associação Agrícola de S. Miguel.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Aeroporto do Montijo: PAN pede demissão do presidente da Agência Portuguesa do Ambiente

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) anunciou o seu parecer favorável condicionado ao Aeroporto Complementar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.