Início / Agricultura / Anpoc aposta na produção nacional e lança marca Cereais do Alentejo

Anpoc aposta na produção nacional e lança marca Cereais do Alentejo

A Anpoc — Associação Nacional de Produtores de Proteaginosas, Oleaginosas e Cereais apresenta, no próximo dia 31 de Maio, a partir das 13 horas, na Herdade da Torre do Frade, em Santo Aleixo, concelho de Monforte, a marca de cereais não processados e 100% nacional, Cereais do Alentejo.

Na sessão de lançamento da Cereais do Alentejo estarão presentes Luís Capoulas Santos, ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural; José Pereira Palha, presidente da Anpoc, e Fernando Carpinteiro Albino, presidente da assembleia-geral do Clube Português dos Cereais de Qualidade.

Indústria e distribuição presentes

Do lado da indústria e da distribuição, marcam presença a Better Foods, a Cerealis, a Auchan e a Sonae.

A Cereais do Alentejo – que reúne cinco organizações de produtores portugueses – pretende a valorização da produção nacional, afirmar o valor dos cereais do Alentejo e dinamizar a fileira dos cereais.

A Anpoc

A Associação Nacional de Produtores de Proteaginosas, Oleaginosas e Cereais é uma associação sem fins lucrativos que representa os produtores junto de associações e confederações, bem como instituições nacionais e internacionais, com vista à defesa dos cereais.

A Anpoc pretende facilitar a concentração, a diversificação e a adaptação da oferta às exigências do mercado, e melhorar as estruturas das organizações da produção e comercialização.

Com 35 anos, promove a investigação e divulgação das acções técnicas e económicas para a melhoria das condições de produção, transformação e comercialização de cereais, oleaginosas e proteaginosas.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

João Ponte: Jovens são imprescindíveis para uma agricultura mais forte e competitiva

O secretário Regional da Agricultura e Florestas destacou, em Angra do Heroísmo, a importância dos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.