Início / Agricultura / Agrovouga: Presidente da Confagri apela à defesa da agricultura e do mundo rural

Agrovouga: Presidente da Confagri apela à defesa da agricultura e do mundo rural

O presidente da Confagri — Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas, Manuel dos Santos Gomes, realçou a necessidade de esclarecer a sociedade civil sobre o “papel imprescindível da agricultura” enquanto fornecedor de alimentos saudáveis, garantindo a diversidade de escolha ao consumidor.

Importa desmistificar os sound bytes mediáticos divulgados por grupos de pessoas pouco esclarecidas sobre o sector agrícola e o pecuário

Aquele responsável, que esteve na cerimónia de inauguração da Agrovouga 19, feira agrícola de Aveiro, que decorreu na passada quarta-feira, dia 20 de Novembro, como presidente da EABL – Estação de Apoio à Bovinicultura Leiteira, afirmou que “importa desmistificar os sound bytes mediáticos divulgados por grupos de pessoas pouco esclarecidas sobre o sector agrícola e o pecuário, em particular. Não negamos os potenciais impactos ambientais da agricultura e da pecuária, mas estamos empenhados, há longos anos, na redução dos seus efeitos nefastos, através da melhoria da gestão dos efluentes e na introdução de novas tecnologias que minimizem as emissões de gazes com efeito de estufa. Não existe outro sector mais empenhado na defesa do ambiente do que a agricultura”.

Efeitos positivos da agricultura no ambiente

Por outro lado disse também importar destacar “os efeitos positivos da agricultura no ambiente, desde logo pela ocupação e coesão territorial, promoção da biodiversidade e prevenção de incêndios. Também temos de ter em conta o efeito positivo das pastagens e dos prados permanentes, assim como das florestas, enquanto sumidouros de carbono”.

A sessão de inauguração contou ainda com a participação da ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, do presidente da Câmara Municipal de Aveiro, Ribau Esteves.

Nova Agrovouga

O Parque de Feiras e Exposições de Aveiro recebe de quarta-feira, a domingo, 20 a 24 de Novembro, a nova Agrovouga, um novo investimento da Câmara Municipal de Aveiro (CMA) em eventos, à escala regional. Depois de 6 anos de ausência a autarquia recupera a feira agrícola para a colocar de novo em lugar de destaque.

Durante o evento, Manuel dos Santos Gomes felicitou a nova ministra da Agricultura e mostrou a disponibilidade das Organizações Agrícolas agrupadas na Confagri para manter um “diálogo permanente e construtivo, na procura das melhores soluções para o desenvolvimento da Agricultura e para a sustentabilidade do Mundo Rural”.

Preocupações da Confagri

O presidente da Confagri, no seu discurso, deixou expressas algumas das principais preocupações da Confederação, tais como “em relação à futura PAC e à transição entre os dois Quadros Comunitários de Apoio, importa reverter algumas das propostas da Comissão e evitar que Portugal saia penalizado destas negociações”.

Ao nível das Ajudas Directas, o presidente da Confagri disse que importa “aumentar a nossa convergência com a União Europeia. No conjunto dos 28 Estados-membros, apenas 2 têm um valor de ajudas por hectare inferior ao nosso”.

Manuel dos Santos Gomes defendeu ainda que se inicie “um esforço sério de simplificação ao nível dos projectos de investimento e dos licenciamentos, pois a actual burocracia constitui um dos maiores constrangimentos para quem investe no sector, o que se reflecte na taxa de execução do PDR 2020, que é apenas 45% no eixo da competitividade e organização da produção”.

E quanto à fileira do leite, na sua condição específica de presidente da EABL, “gostaria de sublinhar a necessidade de na futura PAC pós 2020 continuar a assegurar o financiamento público das acções de melhoramento animal. Por outro lado, convinha discriminar positivamente os agricultores que aderem a estas acções, desde logo o contraste leiteiro, de forma a promover a maior adesão dos operadores e, por essa via, potenciar a utilização de recursos”.

Agricultura e Mar Actual

Verifique também

Governo dos Açores promove formação a colaboradores do projecto Life Vidalia

A Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo dos Açores, através da Direcção Regional do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.