Início / Agricultura / Açores recebem 115 M€ em projectos de investimento em apenas seis meses

Açores recebem 115 M€ em projectos de investimento em apenas seis meses

O vice-presidente do Governo Regional dos Açores revelou hoje, 13 de Fevereiro, em Lisboa, que, “só nos últimos seis meses, deram entrada novos projectos de investimento nos Açores no valor de 115 milhões de euros”, comprovando a “enorme confiança” dos empresários no crescimento da economia regional.

“Apenas nos últimos seis meses, registou-se um montante de intenções de investimento que representa 35% do que se tinha verificado até agora”, desde a entrada em vigor do novo sistema de incentivos Competir+, afirmou Sérgio Ávila.

500 novos empregos

Só estes projectos de investimento, frisou, irão “gerar um acréscimo na criação de emprego” estimado em mais de meio milhar de novos empregos.

O titular da pasta da Competitividade Empresarial, em declarações aos jornalistas no stand dos Açores no SISAB Portugal, que termina hoje, considerou que 2018 e 2019 vão ser anos “com um enorme crescimento do investimento privado e, essencialmente, do investimento no âmbito do fomento da base económica de exportação”.

“Consolida-se, assim, a trajectória de crescimento económico que se tem vindo a verificar”, sublinhou Sérgio Ávila, acrescentando que este será um período único na história do desenvolvimento económico pela realização de “tanto investimento privado e tantas intenções de investimento num tão curto espaço de tempo”.

A Região, no âmbito estratégia de incremento de exportações de produtos e serviços regionais desenvolvida pelo Governo dos Açores, está presente com um stand próprio, em que estão representadas cerca de três dezenas de empresas regionais, no SISAB Portugal 2018 – Salão Internacional do Sector Alimentar e Bebidas, que decorre no Altice Arena, em Lisboa.

Agricultura e Mar Actual

loading...

Verifique também

Leça da Palmeira recebe seminário sobre oportunidades do acordo UE-Canadá

A AEP — Associação Empresarial de Portugal, a Secretaria de Estado da Internacionalização, a CIP …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *