Início / Featured / Açores passam a fazer gestão interna da quota de imperador e alfonsim
pesca 04

Açores passam a fazer gestão interna da quota de imperador e alfonsim

O secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia açoriano, Gui Menezes, congratulou-se hoje, 15 de Maio, com a repartição da quota nacional dos ‘Beryxs’ (imperador e alfonsim) pelo continente e pelos Açores, salientando que “permite à Região gerir internamente a sua quota”.

Uma portaria publicada hoje em Diário da República estabelece uma chave de repartição da quota dos ‘Beryxs’ pela frota registada no continente e pela frota registada nos Açores, que passa a ter 85% da quota total nacional.

Os imperadores (Beryx spp.) são abrangidos pelo regime europeu que estabelece totais admissíveis de captura (TAC) para as espécies de profundidade.

Por razões de precaução, as quotas destas espécies têm sido progressivamente reduzidas, circunstância que tem levado as Autoridades Regionais da Região Autónoma dos Açores, onde são realizadas maioritariamente estas capturas, a desencadear processos de gestão das quotas de imperadores.

A proposta de repartição de quota desta espécie entre o continente e os Açores tinha sido apresentada, no final de Janeiro, pelo titular da pasta das Pescas dos Açores à ministra do Mar, numa reunião realizada em Lisboa.

Gerir de forma mais eficiente

Gui Menezes frisou que esta medida vai permitir que “a quota atribuída à Região para esta espécie seja gerida de forma mais eficiente”, acrescentando que se segue agora a “elaboração de uma proposta de gestão da quota a nível regional e a discussão com o sector”, de modo a que seja possível retirar “o máximo rendimento deste recurso”.

O secretário Regional frisou ainda que “os Açores são responsáveis pela gestão de 55% da quota europeia de ‘Beryxs’”.

Agricultura e Mar Actual

loading...

Verifique também

vindima 01 vinha

Ministério da Agricultura duplica apoios do VITIS com mais 40 M€

O Ministério da Agricultura, liderado por Luís Capoulas Santos, acaba de anunciar que duplicou a …

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *